IMPORTANTE: Austrália altera a forma de emissão de Vistos de Estudante

©Tourism Australia_121219-4

Foto: ©Tourism Australia

 

A partir do dia 1º de Julho de 2016, o Governo da Austrália vai introduzir do ‘Visto de estudante Simplificado’ (SSVF – simplified student visa framework), veja, a seguir, com este novo método altera a forma e documentos necessários para estudar na Austrália.

• Todos estudantes internacionais estarão em uma única subclasse (Subclass 500), independentemente do tipo do programa de estudos;
• Processos serão feitos online pela Embaixada da Austrália em Brasília;
• Forma de cálculo do risco do estudante será utilizado. O novo sistema determinará quais evidências o aluno terá que fornecer;

Com o novo método, o sistema irá determinar o nível de risco de cada estudante, de acordo com a nacionalidade, escola e o programa a ser realizado.
O critério utilizado será de acordo com o nível do Risco da Nacionalidade e do Risco da Instituição de Ensino.
Todas as informações serão mantidas sob sigilo e a Embaixada não irá divulgar o nível de risco dos países e nem das instituições de ensino.
Após determinar o nível de risco do estudante, será indicado quais documentos serão exigidos para cada aplicação, podendo incluir comprovação do nível do idioma e evidências de recursos financeiros.
Será possível, de acordo com o Governo, verificar a documentação exigida para cada caso antes de iniciar a aplicação de visto.

 

Prazos
O prazo inicial estimado para que os processos sejam processados é em torno de 30 dias corridos.

 

Recursos Financeiros
O novo sistema online poderá determinar se o estudante é de risco baixo para a imigração, nestes casos, o estudante terá que fornecer apenas uma declaração confirmando que possui recursos financeiros suficientes para viajar.

Caso o estudante não seja considerado de baixo risco, será obrigatório a apresentação de recursos financeiros. Neste caso, o estudante poderá apresentar ao menos uma das seguintes comprovações:
• Documentos que comprovem recursos financeiros para viajar à Austrália e 12 meses de permanência.
• Evidências de fonte de rendimentos anuais

Os recursos ou rendimentos anuais podem ser combinados (rendimentos/recursos do estudante com o do pai e com a mãe, por exemplo) – até chegar no mínimo exigido.

Comprovação de renda
Student/guardian: AUD 19,830
Partner/spouse:  AUD 6,940. Caso o cônjuge esteja acompanhando a valor deve ser somado do requerente
Child: AUD 2,970 para cada dependente que esteja acompanhando

 
Comprovação do Nível do Idioma
Poderá ser exigido score mínimo necessário caso seja exigido comprovação da capacidade do nível do idioma e o teste apresentado deverá ter sido realizado no máximo a 2 anos antes da aplicação do visto.
Algumas exceções se aplicam, ou seja, não será solicitado a comprovação do nível do idioma – e o sistema irá determinar isso, como por exemplo para estudantes que estudaram por no mínimo 5 anos em país de língua inglesa, cursos ELICOS fulltime como principal programa, entre outros.

Para mais informaçãos acesse: www.border.gov.au/Trav/Stud/changes-student-visa

 

Deixe uma resposta