Saiba como levar o meu animal de estimação para a Austrália

Uma pergunta que sempre a parece ao se planejar ua viagem (definitiva) para a Austrália é… Será que eu posso levar o seu gato ou cahorro para a Austrália? A boa notícia SIM!

A má para levá-lo para a terra dos Cangurus, você terá que gastar muito tempo, paciência e dinheiro (por volta de A$10.000,00!)

Como todos já devem saber a Austrália possui uma das regras duras sobre o assunto. Por motivos de saúde (burocráticos) a Austrália não aceitam animais vindos do Brasil, entre outros países.

Devido a diversos exemplos mal sucedidos de introdução de animais domésticos à fauna nativa e passado recente atualmente as regras para entrada de animais, como o caso recente da cachorinha do Jonhhy Deppy, provam que no quesito “pet-friendly” o país ainda tem muito a avançar.

Via de regra países que ainda não é livre do vírus da raiva, como é o caso do Brasil, para trazer o seu bichano para a terra dos cangurus será necessário muita paciência e dinheiro.

Fatores como condições clinicas, raça, entre outros podem tornar o plano de imigrar com o seu melhor amigo quase impossível, nem todas as raças são permitidas na Austrália, o Fila Brasileiro, Bull terrier, Pit Bull, entre outros, são expressamente proibidas de entrar no país.

Porém ainda que o seu animal possa receba a permissão para vir com você, ainda há um processo logo, rigoroso e caro a ser percorrido, (podendo chegar a mais de 6 meses para ser concluído)

Como funciona o processo para levar o meu gata ou cachorro para a Austrália?

Até o momento, a melhor opção para envio de animal doméstico brasileiros para a Austrália exige que o seu pet resida por no mínimo 45 dias na Argentina ou Chile (há poucos anos atrás era necessário 6 meses), únicos países da América do Sul que possuem tratado de migração de animais doméstico com Austrália, além do seu bichano ter que passar por uma bateria de exames antes do seu pet receber o “visto” de entrada.

Ainda assim, ao chegar na Austrália ele terá que ficar em quarentena, em um abrigo específico, de 7 à 60 dias, até receber o certificado final!

Todo leva a crer que a demanda pelo serviço seja relativamente grande, pois já existem empresas na Argentina, Chile e Estados Unidos especializadas nos tramites para envio do seu gato, ou cachorro para a Austrália e Nova Zelândia.

Passo a passo para enviar o seu pet para a Austrália

No primeiro passo é necessário realizar uma série de exames de sangue no Brasil e no país de residência temporária do seu pet. Se tudo for positivo será preciso preparar toda a documentação, vacinas, exames, hospedagem no exterior e vôos para o seu bichano, todo este processo custa aproximadamente A$8000.

Passada a primeira fase, você terá que aplicação do Import Permit, espécie de “visto para seu animal”, que custa aproximadamente A$500.
Após ser aprovado o visto ser aprovado você ainda terá passar por uma quarentena , de 10 a 60 dias em alguma instuição veterinária na Austrália o processo final de aproximadamente A$2000.


Outros fatores que podem influenciar ao levar o seu animal de estimação para a Austrália

É sem dúvida nenhuma alugar residência na Austrália se você tiver um pet. Muitos landlords não, simplesmente não aceitam, sendo explicitamente avisado em muitos aluncios de para locaçnao de residencias, principalmente nas grandes cidades, como Sydney e Melbourne No pets allowed.

Deve se levar em consideração que ter um gato ou cachorro pode diminuir suas canches de alugar um imóvel, ou mesmo fazer com que os valores de alguel e/ou bond aumentem consideravelmente.

Por motivos óbvios gatos são geralmente mais bem aceitos que cachorros.

Para mais informações visite: http://www.agriculture.gov.au

 

Caso você tenha alguma dúvida, feedback ou sugestão, ou mesmo queira saber mais informações sobre empresas que oferecem Pet Relocation por favor deixe comentário na área abaixo.

 


Deixe uma resposta