Saiba como converter Dólares Australiano para Reais e Tudo o que você precisa sobre a moeda da terra dos Cangurus.

O Primeiro, e talvez o mais importante, saiba como CONVERTER AU$ para Reais. Há 2 formas seguras de converter a moedas. Sugerimos que você utilize Transferwise e Xe.com

Câmbio do Dólar Australiano

Antes de 1983, a Austrália mantinha uma taxa de câmbio fixa. A primeira fixação foi entre a libra australiana e a britânica, inicialmente ao par e, posteriormente, a 0,8 GBP (16 xelins esterlinos). Isso refletia seus laços históricos, bem como uma visão sobre a estabilidade do valor da libra esterlina. De 1946 a 1971, a Austrália manteve uma indexação sob o sistema de Bretton Woods, um sistema de taxa de câmbio fixa que indexou o dólar americano ao ouro, mas o dólar australiano foi efetivamente indexado à libra esterlina até 1967.

Curiosidades sobre o dólar australiano

O dólar australiano entrou em vigor em 1966 em substituição à libra australiana e introduziu, no país, o sistema decimal de moeda. O primeiro-ministro da época, Robert Menzies, queria chamar a moeda de “royal” e ela chegou a ser impressa com esse nome, mas a escolha não foi aprovada pela população e houve a mudança para “dollar”(dólar).

Representado por AUD, A$, AU$, $A ou $AU, o dólar australiano é subdividido em 100 cents (símbolo “c”), ou centavos. A moeda tem notas de 5, 10, 20, 50 e 100 e moedas de 5 centavos, 10 centavos, 20 centavos, 50 centavos e 1 e 2 dólares. A nota australiana é de plástico, por isso, dificilmente estraga, podendo até ser molhada.

Quanto vale o dólar australiano?

Atualmente, o dólar australiano é a oitava moeda mais usada no comércio estrangeiro e a quinta mais comercializada no mercado cambial, atrás apenas do dólar americano, o euro, o yen japonês e a libra esterlina. O AUD vale mais que o real e menos que o dólar dos Estados Unidos e o euro, por exemplo.

Na hora de consultar a cotação, é importante ficar atento ao tipo de câmbio que está sendo mostrado. Isso porque, muitas vezes, os meios de comunicação divulgam o valor do câmbio comercial, que é usado para transações comerciais, enquanto o dólar australiano que você vai comprar como turista é referente à cotação turismo, que pode ser até 8% mais cara.

Vale a pena comprar dólar australiano no Brasil?

Dólares americanos não são aceitos na Austrália. Se você já tiver alguns em casa, vale a pena levá-los para trocá-los por lá. É fácil achar casas de câmbio confiáveis em todas as grandes cidades australianas, especialmente em aeroportos e centros comerciais.

No entanto, caso esteja pensando em comprar dólares americanos aqui, apenas para trocá-los pelos australianos quando chegar ao destino, saiba que, atualmente, esse processo não compensa: a conversão dupla faria você perder dinheiro em relação à compra direta do AUD por aqui.

Isso tem a ver com o spread, lucro que as casas de câmbio obtêm em cima do valor das moedas. Como o dólar australiano é uma moeda forte e comercializada com facilidade nas principais casas de câmbio brasileiras, seu spread é relativamente baixo.

Não se recomenda levar reais para trocar na Austrália, porque, além de não ser fácil encontrar casas de câmbio que aceitem a moeda, a cotação não será favorável.

Como comprar dólar australiano?

Além de comparar a cotação turismo do dólar australiano entre várias casas de câmbio, é importante considerar as diferentes formas em que você pode levar a moeda.

Dinheiro em espécie

A opção mais barata é comprar dólares australianos em espécie, já que, nesse caso, a cobrança do IOF (Imposto sobre Operações Financeiras) é de apenas 1,1%.

Essa porcentagem é bem menor do que os 6,38% cobrados sobre transações com cartões de crédito e débito e cartões pré-pagos internacionais. Além disso, você não paga taxas, como as que costumam ser cobradas para saques no exterior, e já sai do Brasil sabendo exatamente o valor da conversão, sem surpresas no final da viagem.

Qual é a melhor opção para comprar dólares Australiano?

Resumindo: em termos financeiros, vale mais a pena comprar dólar australiano no Brasil do que trocar reais ou dólares americanos por lá. Em termos práticos, é interessante variar a forma como você levará o dinheiro. Comprar a moeda em espécie sai mais em conta, mas é preciso redobrar a atenção para não perder o dinheiro ou ser roubado.

História do Dólar Australiano

“Australian Royal” redireciona aqui. Para a realeza australiana, consulte Monarquia da Austrália.

Antes da adoção do atual dólar australiano em 1966, a moeda australiana era a libra australiana, que, como a libra esterlina britânica, era dividida em 20 xelins e cada xelim era dividido em 12 pence, perfazendo uma libra no valor de 240 pence. A libra australiana foi introduzida em 1910, em paridade com a libra esterlina. Seu valor divergiu da libra esterlina em 1931 após a desvalorização da moeda.

Em 1902, um comitê seleto da Câmara dos Representantes, presidido por George Edwards, recomendou que a Austrália adotasse uma moeda decimal com o florim como base.

Em 1937, a Comissão Real Bancária [nota 2] nomeada pelo Governo de Lyon recomendou que a Austrália adotasse “um sistema de cunhagem decimal … baseado na divisão da libra australiana em 1000 partes”.

Adoção do Dólar Australiano

Em fevereiro de 1959, o Tesoureiro Harold Holt nomeou um Comitê de Moeda Decimal, presidido por Walter D. Scott, para examinar. O comitê relatou em agosto de 1960 a favor da decimal e recomendou que uma nova moeda fosse introduzida em fevereiro de 1963, com a adoção a ser modelada na substituição da libra sul africana pelo rand pela África do Sul. O Governo Menzies anunciou seu apoio à decimal em julho de 1961, mas atrasou o processo a fim de dar mais atenção ao processo de implementação. Em abril de 1963, Holt anunciou que uma moeda decimal estava programada para ser introduzida em fevereiro de 1966, com uma unidade básica igual a dez xelins, e que um Conselho de Moeda Decimal seria estabelecido para supervisionar o processo de transição.

Foi realizada uma consulta pública em que mais de 1.000 nomes foram sugeridos para a nova moeda. Em junho de 1963, Holt anunciou que a nova moeda seria chamada de “real”. Isso encontrou desaprovação pública generalizada e, três meses depois, foi anunciado que, em vez disso, seria chamado de “dólar”.

A libra australiana foi substituída pelo dólar australiano em 14 de fevereiro de 1966 [14] com a taxa de conversão de A $ 2 = A ₤ 1. Como a Austrália ainda fazia parte da área de câmbio fixo da libra esterlina, a taxa de câmbio foi fixada em libra esterlina a uma taxa de A $ 1 = 8 xelins do Reino Unido (A $ 2,50 = UK £ 1). Em 1967, a Austrália efetivamente deixou a área da libra esterlina, quando a libra esterlina foi desvalorizada em relação ao dólar americano e o dólar australiano não o acompanhou. Manteve sua indexação ao dólar norte-americano à taxa de A $ 1 = US $ 1,12.

Moedas de Dólar Australiano

As moedas australianas atuais de 5, 10 e 20 centavos são idênticas em tamanho às antigas moedas de seis pence, xelins e dois xelins (florim) da Austrália, Nova Zelândia e Inglaterra. As moedas australianas pré-decimais permanecem com curso legal para seus equivalentes em centavos. Em 1990 e 1993, o Reino Unido substituiu essas moedas por versões menores, como fez a Nova Zelândia em 2006 – ao mesmo tempo, descontinuando a moeda de cinco centavos. Com uma massa de 15,55 gramas (0,549 oz) e um diâmetro de 31,51 milímetros (1 1⁄4 pol.), A moeda australiana de 50 centavos é uma das maiores moedas usadas no mundo hoje. Em circulação, as antigas moedas de 5, 10 e 20 cêntimos da Nova Zelândia eram muitas vezes confundidas com moedas australianas de mesmo valor, devido ao seu tamanho e formato idênticos. Até que o tamanho das moedas da Nova Zelândia fosse alterado em 2004, moedas australianas com valor inferior ao dólar estavam em circulação em ambos os países. Ainda assim, alguma confusão ocorre com as moedas de denominação maior nos dois países; A moeda de $ 1 da Austrália é semelhante em tamanho à moeda de $ 2 da Nova Zelândia, e a moeda de $ 1 da Nova Zelândia é semelhante em tamanho à moeda de $ 2 da Austrália. Como resultado, moedas australianas são ocasionalmente encontradas na Nova Zelândia e vice-versa.

Notas de Dólar Australiano

Artigo principal: Notas de banco do dólar australiano

As primeiras emissões de papel do dólar australiano foram emitidas em 1966. As notas de $ 1, $ 2, $ 10 e $ 20 tinham equivalentes exatos nas antigas notas de libra. A nota de $ 5 foi emitida em 1967, a de $ 50 foi emitida em 1973 e a $ 100 foi emitida em 1984.

As primeiras cédulas de polímero foram emitidas em 1988 pelo Reserve Bank of Australia, especificamente cédulas de polímero de polipropileno (produzidas pela Note Printing Australia), para comemorar o bicentenário da colonização europeia na Austrália. Todas as cédulas australianas agora são feitas de polímero. A Austrália foi o primeiro país a desenvolver e usar cédulas de polímero.

Em 27 de setembro de 2012, o Reserve Bank of Australia declarou que havia encomendado trabalho em um projeto para atualizar as notas atuais. As notas atualizadas incorporariam uma série de novos recursos de segurança à prova de futuro e incluiriam pontos Braille para facilidade de uso por deficientes visuais. As primeiras novas notas (na denominação de $ 5) foram emitidas a partir de 1 de setembro de 2016, e as outras notas foram emitidas nos anos seguintes.

Uma nova série de notas está em processo de introdução, começando com as notas de $ 5 que foram introduzidas em 1 de setembro de 2016. [20] Uma nova nota de $ 10 foi lançada em circulação em 20 de setembro de 2017, e uma nova nota de $ 50 foi lançada em 18 de outubro de 2018. A nova nota de $ 20 foi lançada em circulação em 9 de outubro de 2019 e a nova nota de $ 100 deve ser lançada em 2020.

BRaustralia Redirecionamento de Encomendas

Leave a Reply

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.